Júlio de Castilhos abriu o plantio de soja

Blog Single

Segundo maior produtor de soja do Rio Grande do Sul, Júlio de Castilhos realizou, na manhã de sexta-feira, a 8ª edição da Abertura do Plantio da Soja no Estado. O evento, que tem uma simbologia para o município, foi realizado no Parque Municipal de Exposições Miguel Waihrich Filho, do Sindicato do Rural. Na ocasião, foi anunciado que a partir desta edição, a abertura do plantio não será mais realizada juntamente com a Expojuc, feira de agronegócio do município. Assim, a cidade terá dois grandes eventos envolvendo a área rural.

- Acertamos em separar da Expojuc, dá um brilho maior para os dois eventos - afirmou o presidente da Associação Expojuc e da Associação Comercial Cultura e Industrial de Júlio de Castilhos (Accijuc), Júlio Cesar Batistella.

O presidente do Sindicato Rural, Rodrigo de Siqueira Martins, também aprovou a separação. Ele considerou o evento de sexta-feira um sucesso.

- Além das autoridades, tivemos um bom número de produtores. É um marco para nós, porque quem planta, colhe - disse Rodrigo Martins.

Atrás apenas de Tupanciretã na produção de soja, Júlio de Castilhos deverá plantar 90 mil hectares do grão na próxima safra. O Parque de Exposições também virou uma espécie de feira de prospecção de negócios. Quinze expositores de produtos voltados para agropecuaristas, como máquinas, implementos agrícolas e insumos expuseram novidades. Também ocorreram homenagens a produtores locais, incluindo agricultores e pecuaristas.

Participaram do evento o vice-governador José Paulo Cairoli (PSD), o secretário estadual da Agricultura, Odacir Klein, e oito prefeitos da Região Central. Mais de 400 pessoas compareceram ao Parque de Exposições.